terça-feira, abril 05, 2011

Parole...


MINA & Alberto Lupo Parole parole 1972

E eu que sempre achei que as palavras não eram mais do que isso sinto-me na graça de que, por vezes, as palavras São mesmo mais do que isso... São o acto! São a sua continuidade... como deveriam ser... SEMPRE!

Sem comentários: