quinta-feira, outubro 29, 2009

E agora... senhores e senhoras...

Para que não haja dúvida, porque hoje não estou presente, aqui vai... Porque sei que gostas do ritmo, do poema e porque por vezes, nem sempre somos "perfeitos corações" mas, podemos sempre melhorá-los...


terça-feira, outubro 27, 2009

Grooving...

Mesmo com um dia estranho, mesmo cruzando-me com pessoas infelizes, mesmo cheia de ansiedade, mesmo com receios que por vezes atravessam o meu pensamento, mesmo triste, mesmo... que o mundo me caia nos ombros e, eu já não pratique musculação para "dar conta do recado" e do peso... Esta musica consegue deixar-me sempre cool e boa onda! Porque ainda que hoje, não tenha feito nenhuma "good deed", fiz o meu melhor! E foi mesmo bom!


domingo, outubro 25, 2009

O tempo...

Pronto, assumido que está que hoje ganhámos uma hora no relógio (é para atrasar pessoal!). Também está assumido que os dias são pequenos e que isso faz com a rapaziada se sinta mais melancólica, triste e "soiones"... Ora cá no burgo eu não quero que nada vos falte e portanto, primeiro e antes do mais: atitude positiva, depois, pensem que os dias são mais pequenos porque também é quando NÃO tiramos férias (é uma cena cósmica como diria um patrício), por fim: Hei HOJE deu para "choinar" mais um pouco! Boa!!!!!!

À parte disso, temos todos os sonhos do mundo e uma montanha de coisas para fazermos no "nosso" cartaz cultural que quebra qualquer rotina depressiva e/ou de pouco tempo para gozar a vida:

Assim, como primeira sugestão, temos, como não podia deixar de ser, os Depeche Mode a 14 de Novembro... já não vão a tempo de comprar bilhetes mas, há sempre aquela "gandaia" de gente perto do Atlântico a vender pelo dobro do preço... Valerá a pena apenas para quem gosta tanto deles e/ou se sente mesmo na boa onda de "abanando a cabeça o meu mal espanto"!!!!!


Se não estiverem para aí virados, ainda vão a tempo de Massive Attack... Bora?!?! É garantido pelo menos o relax total!


Depois ainda temos dois excelentes filmes a não perder: "Orgulho e glória" para quem gosta do género de acção, com bons actores, excelente interpretação e um enredo interessante. Ou, para quem não se importa com a época do ano, hora do dia e melancolia o excelente "Andando" de um dos realizadores mais brilhante do seu tempo Hiro-kazu Koreeda.




Por fim se não há dinheiro, não vamos gastar o que não temos para não se ficar "ainda" mais deprimido e por isso, o melhor mesmo é ficarmos por casa, por 2,00€ a 3,00€ podemos alugar um filme e, por 1,50€ comprar um livro. Neste momento estou a ler "Uma questão pessoal" de Kenzaburo Oe e estou em pulgas para ler o da Susan Sontag...


Have fun, stay healthy and be happy!

sábado, outubro 24, 2009

Fidelidade VS. Lealdade - 1ª parte


Diz o Código Civil de 1974 aprovado em Supremo Tribunal de Justiça que: "O facto de uma mulher apelidar o marido de "maricas", "corno" e "filho da puta", e de dizer que não precisava dele para nada, pois tinha os homens que quisesse, e de se deslocar a casa de outro homem com quem se dava, a sós, passeios de automóvel, sendo tais factos injuriosos e ofensivos à dignidade, deve considerar-se um procedimento gravemente ofensivo da integridade moral do outro cônjuge que compromete a possibilidade de vida em comum dos cônjuges, estando satisfeitos os requisitos nos artigos 1778, alínea g) e 1779 do Código Civil, para ser decretada a separação judicial de pessoas e bens dos cônjuges".

Esclarecendo, desde já uma ou outra coisinha:
  • Este artigo, já na altura, era válido para a mulher e não só para o homem, ainda que, verdade seja dita, "as formas verbais de carinho" fossem diferentes

  • Gosto acima de tudo, do facto de não haver "separação" entre o que são pessoas e bens mas, acho bem.

  • Tenho especial apreço pela palavra "corno"... sempre me deu a impressão de Unicórnio e nada que se relacionasse com tourada, infidelidade ou outras coisas "quejandas"!

Conheço apenas uma pessoa fiel e leal! Essa pessoa que tem logo estes dois atributos, NÃO SOU EU!

Os restantes que me foram sido apresentados ao longo da vida, eu inclusive, são fiéis e leais a si próprios. Claro está que, conheci uns mais fieis à sua palavra e outros menos mas, se em 1974, mesmo sem revolução, as coisas já eram tão descomplicadas, hoje isso da "palavra de honra" é quase ofensivo e o "juro-te" merece uma chapada de quem o diga!

Mas como isto é assunto para longas conversas... cá voltaremos mais tarde, por hoje, é apenas uma reflexão!

sexta-feira, outubro 23, 2009

Eh lá onde é que eu já ouvi isto??????


Isto anda bonito anda, anda...

Era uma vez uma aldeia onde viviam dois homens que tinham o mesmo nome:
Joaquim Gonçalves.

Um era sacerdote e o outro, taxista.

Quis o destino que morressem no mesmo dia.

Quando chegaram ao céu, São Pedro esperava-os.

- O teu nome ?

- Joaquim Gonçalves.

- És o sacerdote ?

- Não, o taxista.

São Pedro consulta as suas notas e diz:

- Bom, ganhaste o paraíso. Levas esta túnica com fios de ouro e este ceptro
de platina com incrustações de rubis. Podes entrar.

- O teu nome ?

- Joaquim Gonçalves.

- És o sacerdote ?

- Sim, sou eu mesmo.

- Muito bem, meu filho, ganhaste o paraí­so. Levas esta bata de linho e este
ceptro de ferro.

O sacerdote diz:

- Desculpe, mas deve haver engano. Eu sou o Joaquim Gonçalves, o
sacerdote!

- Sim, meu filho, ganhaste o paraí­so. Levas esta bata de linho e...

- Não pode ser! Eu conheço o outro senhor. Era taxista, vivia na minha
aldeia e era um desastre! Subia os passeios, batia com o carro todos os
dias, conduzia pessimamente e assustava as pessoas. Nunca mudou, apesar das
multas e repreensões policiais. E quanto a mim, passei 75 anos pregando
todos os domingos na paróquia. Como é que ele recebe a túnica com fios de
ouro e eu... isto?

- Não é nenhum engano - diz São Pedro. - Aqui no céu, estamos a fazer uma
gestão mais profissional, como a que vocês fazem lá na Terra.

- Não entendo!

- Eu explico: agora orientamo-nos por objectivos!

É assim: durante os
últimos anos, cada vez que tu pregavas, as pessoas dormiam. E cada vez que
ele conduzia o táxi, as pessoas começavam a rezar. Resultados! Percebeste?

Gestão por Objectivos! O que interessa são os resultados, a forma de lá
chegar é completamente secundária...!

quinta-feira, outubro 22, 2009

Memoria e quem raio sou eu...


Kundera escreveu, sobre a memoria que esta "regista o que nos encantou, o que nos comoveu, o que dá beleza à nossa vida."

Se tal fosse verdade, creio que a maioria das pessoas, não gostaria de esquecer tanta coisa na sua vida - sobretudo na passada recente - como hoje, amiúde oiço muita gente comentar!


A ser verdade, o que afirmei acima, as pessoas podem até querer esquecer ao mais alto nível de memoria (a vital) mas, ao conseguir fazê-lo, estará apenas não só a adiar todos os problemas que lá se encerram como também não está a permitir que os bons momentos sejam revividos e, mais tarde, repetidos.

Como não sou diferente, alturas houve que gostava de perder memoria de algumas pessoas,
de alguns momentos,
e, como não podia deixar de ser de algumas pessoas incluídas em alguns momentos.

Dado que já o tentei fazer e apenas "me tornei numa tábua rasa" infeliz... Decidi - "amodosque" - lembrar-me apenas dos bons momentos... os infelizes, servem apenas para acender a "Red Light" e não fazer "aquele caminho" de novo...
sabem, é que descobri que a minha memória é pequena demais para se "perder" com coisas insignificantes.

quarta-feira, outubro 21, 2009

Questionário...


Agora que os ânimos estão mais calmos depois das eleições... Uma pergunta, fica por saber:

Com quem deverá o P.M. aliar-se para ter uma "maioria absoluta"?
  • Hugo Chaves,
  • Hugo Pratt.
  • Ou Chaves do Areeiro, que sempre tinha uma boa fechadura para não deixar a Oposição entrar?
  • Portas da Direita,
  • Portas da Esquerda,
  • Ou Catarina Portas que sempre é mais gira que a Câncio e gosta do Diogo Infante?

Aceitam-se apostas! Vá vamos a "botar"!

quarta-feira, outubro 14, 2009

Se de outra altura se tratasse...

O estranho desta excelente composição é que de alguma forma, também este começo - as suas palavras de introdução "This..." - também são, de alguma forma a única verdade que nestes últimos anos se mantêm... Há quem subsista, resista... Que é Mais do que eu...
Numa outra vida talvez, eu conseguisse ser Mais... por hoje... Tento ser apenas mais e, Nada mais...



domingo, outubro 11, 2009

3º Cartoon Red Carpet...


Eh pá vai ter de ser... Tenho de falar disto!
Um partido que ninguém conhece...
Está em franca ascensão...
Cada vez há mais pessoas a acreditarem nas suas promessas...

E este partido É mesmo o ÚNICO que cresce em termos de percentagem, nada das parvoíces do género: "Ah e tal não ganhámos a Camâra ou a junta ou sequer aquela coisa da assembleia mas, o importante é que crescemos em votos!" ou "Ah e tal não tivemos a maioria absoluta mas, o que interessa é que ganhámos!"...

O melhor é mesmo passar de 3ª para 4ª força política mas dizer nos Gatos: "Oh pá então perdemos a Zita e outros no decorrer destes anos mas, desde o início do ano que ganhámos mais de mil novos associados..." Ha... ha... ha... Haaaaaaaaaaaa...

Faz com que, ainda que passe o Cartão vermelho a todos os partidos (mas TODOS MESMO!)... ANDOR!

Tenho de dar, pela primeira vez, Cartão verde: VIVA o Partido da Abstenção!

Gosto dos tipos! Esta gente é do povo e da alta, tem empregos e está desempregada, vive na Alta e na Baixa de Lisboa, é do Norte e do Sul do país e são, acima de tudo, pessoas que "gramam" o seu domingo não o querendo desperdiçar com uma coisa que se chama Democracia...

Venha daí a Anarquia!

Sim, é verdade! Já acredito em tudo!


Se a Jane Birkin está viva, em boa forma e esteve cá em Lisboa...
Se o Obama foi o Nobel da paz sem ter feito nada...
Se houve eleições e, algumas pessoas estão mortas mas, votaram...

Claro que acredito que o Homem foi a Marte...
Claro que é verdade que os portugueses estão a ficar mais inteligentes...
Claro que eu é que fiquei mais míope...

E sim agora tenho a certeza que quero é "pisgar-me" daqui para fora o mais depressa possível! ARRE!
Vou dedicar-me "à pesca" como certas pessoas, que parece que isso é que "está a dar"...



terça-feira, outubro 06, 2009

2º Cartoon Red Carpet...


O povo costuma dizer: Diz-me com quem andas, dir-te-ei quem és!

O povo não tem por hábito enganar-se, nestas coisas de conhecimento por estatística "da vizinha à boca das urnas".

Também sabemos que desde da altura dos nossos avós para cá, este andas tem várias conotações. Hoje cinjamo-nos à versão: Diz-me com quem "andas", dir-te-ei com quem estiveste ontem à noite, caso não te lembres devido à bebida!

Ora bem, a Solange F. é uma rapariga que devia ter mais cuidado com o que diz.

Primeiro, nunca ninguém lhe perguntou qual era a sua orientação sexual. Ora bem, dado que a Guerra Norte e Sul dos E.U.A. já acabou faz tempo, nos dias que correm é de interesse reduzido se a sua "piquena" bússola aponta para Norte ou... Sul! Ou como em alguns casos conhecidos, anda por ali: "arriba e abajo"! Claro que o caso muda de feição quando falamos de família, dos poucos amigos...

Acima de tudo, não pode é depois dizer que à conta de dizer aquilo que quis, não tem emprego. Isto está mal para todos... ela seria diferente é se por dizê-lo tivesse mais trabalho.

Depois, não deve dizer disparates do género: "Sabem porque a maioria das mulheres se masturba? Porque não posso estar em todo o lado!" e esperar que alguém sério lhe dê trabalho. Ou que a rapaziada (foi bem aplicado) das ILGAS e soiones, não a olhem de lado. Mas acima de tudo, não se diz porque é feio... e estranho!

E depois não se fica grávida e se atira aos 4 ventos que: "Esta criança não tem pai!". Fazendo-nos crer que então vem aí o Jesus Crist Superstar II. Porque então aí já todos sabemos quem é o pai: é o Andrew Lloyd Webber.

Assim, não dá! Não há suspense nenhum neste país!!!!!
Cartão vermelho para uma pessoa a quem já foram atribuidos vários amarelos.

sexta-feira, outubro 02, 2009

Tché...

Há muitos anos atrás... quando eu era jovem e bela, ouvia umas musiquinhas muito maradas, tinha gostos engraçados relativamente a grupos e à excepção dos Depeche Mode, poucos deles -gostos- se mantiveram... em alguns casos: Thank God. Noutros por vezes é bom recordar, sobretudo quando o Morten continua a ser "um pão" (aqueles olhos, aquelas mãos...) mesmo já velhote... e os A-Ha, contra tudo o que seria de esperar, continuam a ser 3 e a fazerem as mesmas musicas como se o tempo não tivesse passado por eles...